quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

QUAL DEVE SER O ALVO DAQUELES QUE VIVEM PARA DEUS?


QUAL DEVE SER O ALVO DAQUELES QUE VIVEM PARA DEUS, ISTO É, OS SANTIFICADOS EM CRISTO?
1 - Buscar as coisas do alto, v. 1 – a Bíblia afirma que toda a boa dádiva e todo dom perfeito vem do alto, isto é de Deus: “Toda boa dádiva e todo dom perfeito são lá do alto, descendo do Pai das
luzes, em quem não pode existir variação ou sombra de mudança” (Tiago 1:17). As pessoas tendem a temer mais o homem do que a Deus, pelo fato de estarem longe de Deus. Se você disser que sua
vida está em Deus, então Jesus lhe diz: “buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas” (Mt 6:33). Paulo disse que a nossa cidade
está nos céus (Fp 3:20), e de lá esperamos o Senhor Jesus, portanto sejamos bem sintonizados com as ondas do Espírito de Deus.

2 - Pensai nas coisas que são de cima, v. 2 – nossa mente é um verdadeiro campo de batalha. Na verdade tudo o que fazemos começa na mente. Qualquer pecado ou ação que praticamos nasce
primeiro na mente. Quando Acã pecou e estava prejudicando todo o povo de Deus, assim que foi descoberto, ele disse: “Vi, cobicei, peguei e escondi”. Ver é uma conseqüência que não depende
tanto de nós, mas ficar armazenando na mente já é responsabilidade nossa. Eu não posso impedir que um pássaro voe sobre minha cabeça, mas posso impedi-lo de fazer um ninho nela. Paulo nos dá
uma boa receita para manter santo o nosso pensamento em Filipenses 4:8 “Finalmente, irmãos, tudo o que é verdadeiro, tudo o que é respeitável, tudo o que é justo, tudo o que é puro, tudo o que
é amável, tudo o que é de boa fama, se alguma virtude há e se algum louvor existe, seja isso o que ocupe o vosso pensamento”.
3 - Buscai e pensai – esses dois verbos não são opções, mas imperativos (que expressam ordens aos ouvintes para que realizem determinadas ações por comando e autoridade daquele que a emite),
portanto não se trata de dois “convites”, mas duas ordens absolutas que requer completa obediência da parte de todos aqueles que desejam viver para Deus. O apóstolo Pedro foi contundente em sua
palavra: “segundo é santo aquele que vos chamou, tornai-vos santos também vós mesmos em todo o vosso procedimento, porque escrito está: Sede santos, porque eu sou santo” (1 Pedro 1:15-16). A
marca identificadora dos filhos de Deus chama-se santidade.

4 - Vestir-se de um novo homem, v. 10 – isso significa ser mudado para um novo tipo de vida oposto ao estado corrupto anterior. Uma vida que se inicia ao aceitar por meio da fé a Salvação em
Cristo, e que visa crescer dentro do conhecimento preciso e correto do propósito de Deus, que nos faz conforme a imagem do Seu Filho, à qual os verdadeiros cristãos são transformados. Isso é
semelhante não somente ao corpo celestial, mas também ao estado de mente mais santo e abençoado, que Cristo possui.5 - Revestir-se como eleito de Deus, v. 12 – isto é, por cima das nossas vestes do conhecimento de Deus é preciso que tenhamos também o “sobretudo” da misericórdia, benignidade, humildade,
mansidão, longanimidade, suportar e perdoar os outros, tudo isso em amor, v. 14. Temos que dar um bom testemunho e nos comportar como eleito de Deus, pois Jesus afirmou que “muitos são chamados e poucos escolhidos” (Mt 22:14).

ASPECTOS DE UMA VIDA DE SANTIDADE



Nenhum comentário:

Postar um comentário