sábado, 4 de março de 2017

Imitar as virtudes da Rainha é o melhor caminho para amar a Cristo

Maria sempre foi lotada por virtudes. Virtudes essas que fizeram com que Ela fosse escolhida desde a eternidade para ser a Mãe de Jesus Cristo, Nosso Senhor e Salvador. Dentre essas virtudes, podemos citar: a humildade, o silêncio, a paciência, uma contínua vida de oração, obediência, a pureza, a doçura, uma fé contagiante e encorajadora, entre diversas outras. 
Seguindo e imitando essas virtudes, temos a certeza de que Deus olhará para nós também como seu servo.

No canto do Magnificat, Maria expressa sua humildade entitulando-se "pobre serva". 
Durante toda a história, demonstra também sua humildade guardando-se no silêncio, e nunca se vangloriando das obras e maravilhas que Deus fazia em sua vida. Devemos nós também ser como Maria. Humildes de alma e coração, tratar todos os irmãos com igualdade, respeito e dignidade, e nunca nos vangloriar das maravilhas de Deus.

Uma das virtudes mais marcantes da Virgem Maria é o silêncio, e esse é um dos motivos da Bíblia citar pouco o nome de Maria (Porém, cita tudo que precisamos saber). "Maria conservava todas essas palavras, meditando-as no seu coração" (Lc 2,19). 
Maria meditava todas aquelas coisas em seu imaculado coração, em seu silêncio, sempre se guardando e se recolhendo em sua humildade. 
Devemos, como Maria, aprender a silenciar nos momentos certos, a meditar as coisas de Deus em nossos corações, a nos recolhermos no silêncio.

A obediência de Maria se percebe logo quando, mesmo sem saber os planos de Deus, pela anunciação do Arcanjo Gabriel, entrega-se totalmente à serviço de Deus, aceitando trazer ao mundo o Salvador. 
Devemos, como Maria, obedecer cegamente as vontades de Deus, renunciando a nós mesmos e às nossas vontades e entregando-nos a serviço de Deus, pois "Antes que fosses formado no seio de sua mãe, eu já te conhecia" (Jr 1,15) diz a Palavra.

Outra virtude marcante é a pureza. A sempre Virgem Maria manteve-se pura e casta, e por obra do Espírito Santo concebeu Jesus, e foi assunta aos céus ainda virgem. Maria deve ser para nós símbolo de castidade, de pureza. 
Ela nos ajuda a viver uma vida, um namoro e um casamento santo, casto, não só na afetividade, mas também nos pensamentos, palavras, ações, gestos, etc.

Maria também sempre teve uma vida contínua de oração, uma fé viva e encorajadora. 
Mesmo após a morte de Jesus, com a lança predita pelo profeta transpassando o coração, Maria se manteve em oração, e encorajava os apóstolos a se manterem firmes na fé, esperando o Espírito prometido no cenáculo. 
Assim como Maria devemos manifestar uma fé viva, sendo motivo de encorajamento para que outros irmãos perseverem na oração e na fé.

Concluimos, portanto, que seguir tais virtudes de Maria, podemos nos tornar santos e irmos para o céu. Peçamos portanto, sua intercessão e a misericórdia de Seu Filho, para que, mesmo diante de provações, noites escuras, desertos, tentações, possamos nós estar obedientes, puros, firmes na fé, doces, humildes, e, com bastante devoção, imitando todas as virtudes da Mãe de Deus e Nossa.

Fonte: Telegram: https://t.me/admiravelsenhora

Nenhum comentário:

Postar um comentário